Há males que vêm para o bem [Pesto de Manjericão e Macadâmia]

Sabe o ditado “há males que vem para o bem”?

Então, ele se aplicou direitinho comigo neste domingo. Fiquei super preguiçosa pois trabalhei duro o dia todo no sábado. Enrolei na cama, li, ouvi música e perdi a hora de ir à feira. Quando cheguei já passava do meio-dia e o sol estava escaldante… Poucas foram as verduras que consegui comprar pois já estava tudo no fim e o que havia sobrado, murcha, murcha.

Foi aí que aproveitei o meu dia de Dona Xepa! A barraca dos temperos já estava na liquidação! Consegui 2 maços lindos e bem cheios, mas muito murchos, de manjericão por R$ 3,00. Aqui na feira que frequento isso é quase impossível!

Mas não havia de ser nada não. Por que não fazer um pesto delicioso e ter manjericão estocado na geladeira?

Levei também um maço enorme de salsinha por R$ 1,00. E essa virou gremolata.

Quando eu dou aulas de cozinha muitas pessoas me perguntam como variar na comida do dia a dia. Isso só é possível quando se tem uma despensa bem abastecida. Veja só que o pesto foi usado sobre um filé de badejo para o almoço, na pizza do jantar de ontem e misturado à ricota dará um delicioso patê para receber as amigas na quinta-feira! Faça você também!

Transforme um filé de peixe em "O" peixe!

Transforme um filé de peixe em “O” peixe!

Pesto de Manjericão e Macadâmia (Rende

Muitas utilidades para esta delícia italiana

Muitas utilidades para esta delícia italiana

Ingredientes:

3 dentes de alho

60g de macadâmia (eu usei macadâmia porque era  que tinha, mas você pode substituir por nozes ou castanha do Pará)

100g de folhas de majericão (mais ou menos o equivalente a 2 maços)

200ml de azeite de oliva

200g de queijo pecorino ou parmesão ralado fino

Modo de Preparo:

No processador de alimentos coloque o alho e as castanhas que estiver usando. Usando o botão pulsar triture grosseiramente. Junte o manjericão e o azeite e pulse novamente, repetindo continuamente até que as folhas de manjericão estejam totalmente trituradas.

Não utilize o processador em velocidade constante para não “queimar” as folhas e oxidar o molho. Isso fará com que fique escuro.

Junte o parmesão e dê uma última pulsada para que todos os ingredientes formem uma mistura homogênea.

Algumas receitas pedem mais azeite de oliva. Eu vou acrescentando conforme a utilidade que vou dar para o pesto. Por exemplo, para massa, acrescento mais azeite. Já no peixe, para fazer uma crosta, é preciso menos azeite. Além do que para guardar este molho coloque em um vidro com tampa e cubra com, pelo menos 1 dedo de azeite, para conservar. Utilize em 1 mês.

Pizza Caprese!

Pizza Caprese!

DICAS:

  1. Você pode utilizar qualquer erva ou até mesmo rúcula para fazer o teu pesto. As castanhas também podem variar. Os mais puristas podem dizer que o autêntico pesto é feito de manjericão e pinole. E é verdade. O pesto genovês! E pesto vem do verbo pestare, em italiano, que significa bater, moer, espremer. Desde que você bata os seus ingredientes, não vejo o porquê de não fazê-lo! 😉
  2. Não coloco sal na receita pois além do queijo já ser bem salgado ele deixará o molho mais escuro, com o tempo. Assim, acerto o sal quando vou utilizar.

A Cozinha de Lavoisier – tudo se tranforma! [Farfalle Integral com Alcachofra Grelhada]

O título deste post foi sugestão de um amigo que entendeu exatamente o 
conceito da cozinha rápida e fácil.

Muitos me perguntam como eu consigo chegar em casa no final do dia e em poucos minutos já ter o esquema do jantar todo pronto. Claro que atuo um pouco como MacGyver, como gosta de dizer meu marido, porque tenho conhecimento de causa! Mas nem mesmo o agente secreto que não usava armas e resolvia os seus problemas graças ao seu canivete suíço conseguiria salvar o mundo sem ter, pelo menos, um bom azeite extra virgem na despensa!

Antes de pensar em cozinhar algo rápido, saudável e delicioso, você precisa dar uma olhada na despensa da sua casa. Não pense que ela deva estar recheada de itens caros, importados ou mesmo ingredientes que você nem saiba como usar. Nela deverão estar os ingredientes coringas que te ajudarão a sair do sufoco em momentos de falta de criatividade ou dias apertados sem muito tempo para cozinhar. É importante ter sempre à mão:

  • Azeite extra virgem
  • Vinagre balsâmico
  • Tomates secos, fundos de alcachofra, palmito
  • Passata de tomate
  • Massas secas
  • Alcaparras, azeitonas, anchovas
  • Frutas secas e castanhas
  • Leite de coco, molho de soja, azeite de gergelim
  • Grãos e leguminosas

Estas são apenas algumas sugestões mas que podem fazer do seu peito de frango frango grelhado, um frango a provençal! Ou este delicioso atum.

As comidas frescas devem ter um pouco mais de atenção e adquiridas semanalmente. Condimentos como alho, cebola e ervas devem ser guardados hermeticamente fechados para não exalar cheiro na geladeira nem perder suas propriedades. Na geladeira tenha sempre:

  • Alho, cebola
  • Ervas frescas
  • Limão tahiti/limão siciliano
  • Queijo parmesão

Muita gente acha frescura ter um bom ralador de queijos mas a verdade é que um prato bem apresentado muitas vezes altera o sabor da comida, pois comemos primeiramente com os olhos. E para que cozinhar seja um prazer os utensílios básicos devem ajudar a sua performance na hora de pilotar o fogão. Troque um dia no shopping por uma manhã na Rua Paula Souza, em São Paulo 😉 e procure por estes itens:

  • Facas de tamanhos variados
  • Afiador de facas (os maiores acidentes na cozinha acontecem com facas cegas…)
  • Descascador de legumes
  • Espátula
  • Ralador
  • Tábua para cortar
  • Luva térmica
  • Xícaras e colheres medidoras
  • Uma boa panela de aço inox ou de fundo grosso
  • Fuet

Pensando assim, com certeza, em 10 minutos, que é o tempo que a massa cozinha, você terá um delicioso jantar!

Farfalle Integral com Alcachofra Grelhada (Serve 4)

De "macarrão de todo dia" para "Farfalle com alcachofrinhas grelahas e pesto trufado"

De “macarrão de todo dia” para “Farfalle com alcachofrinhas grelhadas e pesto trufado”

Ingredientes:

300gr de farfale integral (ou qualquer ou massa seca que tenha à mão)

sal, o quanto baste

200gr de coração de alcachofra, cortados ao meio

3 colheres de sopa de azeite de oliva

100gr de tomatinhos cereja ou grape, cortados ao meio

100gr de mussarela de búfala bolinha, cortadas ao meio

4 colheres de sopa de pesto (eu usei um pesto trufado que comprei na minha última viagem. Valeu cada centavo o investimento!)

2 colheres de sopa de pinoli tostados.

Invista em ingredientes coringas que poderão dar um toque especial numa massa simples.

Invista em ingredientes coringas que poderão dar um toque especial numa massa simples.

Modo de Preparo:

Coloque a massa para cozinhar conforme instruções do fabricante (se não quiser cozinhar a massa com abundante água, veja esta outra receita).

Enquanto isso aqueça uma grelha ou frigideira até começar a esfumaçar. Coloque 1 colher de azeite e grelhe as metades da alcachofra por 5 minutos. Acrescente os tomatinhos e misture com cuidado por mais 1 minutos somente para aquecê-los, sem cozinhar demais.

Escorra a massa e junte-a ao “molho” de alcachofras e tomates. Acrescente o restante do azeite, a mussarela e o pesto. Aqueça rapidamente sem deixar a mussarela derreter.

Ao servir coloque os pinoli tostados sobre a massa. Se necessário corrija o sal.

"Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma." - Antoine Lavoisier

“Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma.” – Antoine Lavoisier

DICAS:

  1. Quando for comprar os ingredientes da sua despensa dê preferencia para os que tenham menor quantidade de sódio e conservantes artificiais. Sempre leia os rótulos.
  2. Pesto, vem do verbo pestare, em italiano que significa esmagar, aplastar. Isto é, um molho esmagado com ervas, normalmente manjericão, e azeite. Mas se não tiver estes ingredientes pode-se fazer com qualquer outra erva, folhas de rúcula, azeitonas, cogumelos, tomates… O importante é transformar!
Cores e muito sabor num prato único.

Cores e muito sabor num prato único.