Coelhinho da Páscoa o que trazes para mim?… [Coelho de Biscoito com Chocolate]

As crianças – e muitos adultos! – sempre aguardam ansiosas pela chegada da Páscoa. Pensando nisso, o açúcar União preparou um divertido passo a passo para quem quer usar a criatividade na hora de celebrar esse momento. Os biscoitinhos em formato de coelho, segurando um ovo de chocolate, além de deliciosos, são perfeitos para presentear, decorar a mesa ou para uma atividade lúdica com os pequenos.

Coelho de Biscoito com Mini Ovos de Chocolate (15 unidades)

IMG_20160324_160941

Ingredientes

½ xícara (chá) de manteiga (90g)

¾ xícara (chá) de açúcar refinado UNIÃO (120g)

1 ovo (120g)

3 xícaras (chá) de farinha de trigo (330g)

1 colher (chá) de fermento em pó (4g)

1 colher (chá) de essência de baunilha (5ml)

Montagem

100g de chocolate ao leite derretido

Confeitos coloridos

15 Mini ovos de chocolate

Modo de preparo

Em uma tigela, misture a manteiga com o açúcar refinado UNIÃO até formar um creme homogêneo. Junte os ovos e misture bem. Acrescente a farinha de trigo, o fermento, a baunilha e amasse formando uma bola. Embale em filme plástico e deixe descansar na geladeira por 30 minutos. Com o auxilio de um rolo, abra a massa entre 2 folhas de plástico próprio para alimentos até obter a espessura de 0,5 cm e corte com um cortador em formato de coelho. Faça tiras de papel alumínio e encaixe embaixo de cada coelho na altura dos braços, prenda as pontas formando um circulo, de forma que os braços fiquem levantados. Asse em forno preaquecido a 180°C por 20 minutos ou até dourar. Espere esfriar, retire as fitas de papel alumínio com cuidado e reserve.

image-2

Montagem

Com um palito de dente, faça o rosto do coelho usando o chocolate derretido. Use um confeito colorido para formar o nariz e com um pouco de chocolate, cole 1 mini ovo no centro dos braços do coelho. Espere o chocolate endurecer e sirva em seguida.

DICAS

  1. Se desejar, faça uma base redonda ou retangular com a massa de biscoito e cole o coelho com glacê real verde formando uma grama, decore com confeitos coloridos e sirva em seguida.
  2. Você pode substituir a baunilha por 1 colher (sopa) de raspas de laranja ou limão.

O melhor bolo do mundo [Bolo de Chocolate – Milo Cake]

Minha querida amiga, Geisa, que vive lá em Ghana está aqui no Brasil. Imaginem a minha felicidade!!!

Na terça-feira acordei cedinho, me arrumei toda e fui esperá-la no desembarque do aeroporto. Teríamos 2 horas entre sua chegada e novo embarque, desta vez para Campo Grande, onde vive sua família. E seriam 2 horas de muita emoção. Quase 6 meses desde a última vez que nos vimos. Bem… antes tínhamos ficado mais de 3 anos!

Nosso encontro foi delicioso, regado a café, pão de queijo e muitas risadas, muitas lembranças, muito amor. Voltei para casa saudosa, na esperança de vê-la novamente, desta vez aqui em casa. Mas se não for, uma outra corrida até o aeroporto só me fará bem.

Resolvi, então, preparar um bolo que é a “chefe confeiteira em pessoa” (se fosse fruta, seria melancia!). Desde que chegou na África, ela ficou enlouquecida com o Milo, um achocolatado em pó que leva malte em sua composição e é muito comum por lá. Não deu outra; ela criou uma receita de bolo deliciosa que é o campeão de vendas nos restaurantes e cafés do grupo onde trabalha. O Milo Cake. E como ela tinha me mandado quilos desta delícia de presente (sim, quilos!) eu estava com a faca e o queijo na mão. Ou melhor, a colher e o achocolatado!

Milo Cake (Serve 16 fatias)

Uma fatia nunca é suficiente...

Uma fatia nunca é suficiente…

Ingredientes

125g (10 colheres de sopa) de manteiga sem sal em temperatura ambiente

50g (1/4 de xícara) de açucar demerara (ou refinado – que já foi abolido aqui em casa)

180g (1 e 1/2 xícaras) de farinha de trigo

1 colher de sopa de fermento químico em pó

150g (1 e 1/4 xícaras) de achocolato Milo¹

3 ovos

120ml (1/2 xícara) de buttermilk²

O Melhor Bolo de Milo do Mundo!

O Melhor Bolo de Milo do Mundo!

Modo de Preparo

Preaqueça o forno a 180 graus e unte com manteiga uma forma para bolo redonda com buraco no meio de 20cm (pode-se usar um tabuleiro retangular). Polvilhe achocolatado em toda a forma ao invés de farinha. Isso fará com que a casquinha do bolo fique mais grudento e não tão sequinha.

Na batedeira, com o globo de arame, bata a manteiga com o açúcar até obter uma mistura lisa e cremosa. Adicione os ovos, um de cada vez, batendo bem após cada adição. Peneire a farinha, o fermento em pó e o Milo e, em seguida, adicione gradualmente ao creme na batedeira, em velocidade baixa, alternando com o buttermilk.

Despeje a massa na forma e leve para assar por 40-45 minutos ou até que um palito inserido no centro saia limpo. Remova do forno e deixe esfriar sobre uma gradinha para esfriar completamente antes de desenformar.

Com o passar dos dias esta casquinha vai ficando grudenta, chicletosa, extraordinária!

Com o passar dos dias esta casquinha vai ficando grudenta, chicletosa, extraordinária!

Este bolo é tão delicioso, macio e “grudento” que não precisa de calda ou cobertura. Mas… Se você não resistir, faça a calda de chocolate craquelada:

Calda de Chocolate

Ingredientes

1/2 xícara (chá) de Milo

1/3 de xícara (chá) de açúcar demerara

1 colher (sopa) de manteiga sem sal

1/3 de xícara (chá) de água

Modo de Preparo

Numa panela pequena junte o milo, o açúcar, a manteiga e a água. Leve ao fogo médio mexendo sempre com um batedor de arame.

Quando começar a ferver, cozinhe por cerca de 4 minutos, sem parar de mexer. Assim que a calda começar a desgrudar do fundo da panela é sinal de que está pronta.

Regue a calda quente sobre o bolo já frio e desenformado e deixe esfriar. Sirva a seguir.

Este foi o primeiro Milo Cake que e comi na vida. Amor a primeira mordida!

Este foi o primeiro Milo Cake que e comi na vida. Amor a primeira mordida!

DICAS:

  1. As chances são grandes de você não ter Milo em casa. Mas não se desespere. Milo é um chocolate maltado, assim como o Ovomaltine. Então poderá substituir normalmente. Eu só processaria antes, pois o Milo não tem os flocos crocantes que contém no Ovomaltine e acredito que fará diferença na textura. E por que usar Milo e não chocolate comum? Primeiro porque são produtos diferentes! O malte contido neste produto deixa o bolo mais “grudento”, com aquele saborzinho do chocolate Lollo (ou Milkbar) e aquela textura “chicletosa”. Hummmm…
  2. Já expliquei em outro post como fazer o buttermilk mas acho que não justifiquei o porque utilizá-lo e não leite comum. Vamos lá. Para início de conversa, eu diria que seus bolos passarão de deliciosos para extraordinários com a utilização do buttermilk. Buttermilk deve seu sucesso como um ingrediente de cozimento à sua acidez. Essa acidez contida realça a cor do chocolate deixando o bolo um marrom profundo, ajuda na textura mais leve, pois quando em contato com o fermento dá um “up” na receita. E há muito mais… No frango frito estilo KFC, não ouso deixar de usar na marinada. Mas este é um assunto para outro post! 😉
  3. Enquanto escrevia tudo isso pensei que o açucar mascavo poderia deixar o bolo ainda mais rico. Se você testar, diga aqui como ficou!

Viva el Cinco de Mayo!

Eu adoro receitas que tem história. Esta é uma delas! Esta ainda tem duas. A história propriamente dita e a história do porquê fiz esta receita.

No México, hoje é um dia muito importante. Com certeza você já deve ter ouvido falar do 5 de Mayo, pelo menos em algum seriado americano. É incrível como os americanos, por influência dos mexicanos que por lá se instalaram, comemoram esta data que foi a improvável vitória do exército mexicano sobre o francês na batalha de Puebla em 5 de maio de 1862. É comemorado principalmente no estado de Puebla e nos Estados Unidos.  Eu acho, na verdade, que os americanos celebram mais pela derrota dos franceses do que a vitória mexicana. Mas este é meu ponto de vista… Várias comidinhas mexicanas fazem parte do cardápio dos gringos e de los chicanos.

E eu fiz esta receita alguns meses atrás quando participei de um concurso para ganhar uma bolsa para conhecer o Sri Lanka e sua cultura gastronômica! Não ganhei. Fiquei até muito triste quando saiu o resultado. Impossível não era, mas teria que derrotar mais de 200 candidatos para conseguir uma das 3 vagas ofertadas… Talvez, na próxima, opte por Medicina na USP onde a média de corte é 72/1!

Enfim, valeu a experiência de pesquisar, testar receitas, escrever em inglês e conhecer ainda mais a comida de um país que tem uma das culinárias mais ricas e sabrosas do mundo! O contato com os outros participantes também foi uma conquista muito gratificante. Se você quiser saber um pouco desta experiência está tudo aqui (em inglês).

Mas o melhor de tudo foi reviver e degustar esta delícia que eu já não cozinhava há anos e transformá-la num prato para o dia dia sem perder toda a sua essência!

Peito de Peru com Mole Poblano (Serve 8)

O México definido em prato!

O México definido em prato!

Mole é um molho a base de especiarias e chocolate amargo muito característico do México. Eu ousaria dizer que é o curry mexicano.

Ingredientes:

PARA O PERU:
2 kg de peito de peru sem osso
1 cabeça de alho
1 alho-porro
1 cebola
1 folha de um louro

PARA OS AROMÁTICOS:
1 colher de chá de sementes de cominho
1 colher de chá de sementes de coentro
1/2 colher de chá de anis
1 pau de canela
5 cravos da Índia
1 colher de chá de orégano seco

PARA AS SEMENTES E CASTANHAS:
50gr amêndoas
50gr de amendoim
50gr semente de abóbora descascadas
30gr de gergelim torrado

PARA AS PIMENTAS*:
¼ xícara de gordura de bacon (ou óleo vegetal)
6 pimentas Ancho, sem semente
6 pimentas Guajillo, sem semente
10 pimentas Pasilla, sem semente

FRUTAS E VEGETAIS:
1 banana da terra bem madura, descascada e fatiada
400gr tomate pelado (1 lata)
40gr passas pretas
100gr de chocolate mexicano (ou qualquer outro amorgo com 90% de sólidos)
1 colher de chá de sal

Para Servir:
1 avocado, fatiado
Folhas de coentro
Tortillas frescas

Apesar da longa lista de ingredientes, o passo a passo desta receita é muito fácil e você irá utilizar somente 3 equipamentos. Ao final será levado por aromas e sabores nunca antes descobertos. Arrisque-se. Eu garanto!

Especiarias e temperos fazem desta receita um prato único, autêntico e muito celebrado no México

Especiarias e temperos fazem desta receita um prato único, autêntico e muito celebrado no México

Modo de Preparo:

Em uma panela grande colocar o peito de peru, alho, alho-poró, cebola e louro e cubra com 3 litros de água. Deixar ferver e reduza o fogo, tampe e cozinhe até a carne ficar tenra, cerca de 20 minutos. Coe e separe o peito, o caldo, cebola e alho.

Aqueça uma frigideira e adicione os aromáticos. Torre ligeiramente, sem queimar. Transfira para um liquidificador. Na mesma frigideira, adicione as nozes e sementes, com exceção de 1 colher de sopa de sementes de gergelim, para guarnecer. Torre-os também até mudar a cor, cerca de 3 minutos. Adicione ao liquidificador e bata com os aromáticos acrescentando 1 xícara do caldo reservado até obter um purê liso. Transfira esta pasta para a panela onde foi cozido o peru.

Uma cultura culinária milenar se formando na panela...

Uma cultura culinária milenar se formando na panela…

Aqueça a gordura do bacon na mesma frigideira em fogo médio-alto. Frite as pimentas até começarem a abrir, cerca de 15 segundos de cada lado. Transfira o liquidificador.

Na mesma frigideira, adicione a banana da terra e frite até ficar durada, cerca de 3 minutos. Adicione os tomates, cebola e alho reservados e cozinhe ligeiramente, até amolecer e possa ser esmagada com um garfo. Reduza o fogo para médio-baixo; adicione as passas e deixe ferver, mexendo sempre, cerca de 10 minutos.

Trabalhando em partes coloque este molho de tomate no liquidificador e bata com mais 1 xícara de caldo reservado até obter um molho liso. Peneire e junte à panela onde está o purê de aromáticos. Deixe ferver e acrescente o chocolate em pedaços. Baixe o lume e cozinhe por 20 minutos, mexendo sempre, raspando o fundo da panela. Adicione mais caldo caso o molho fique muito grosso. Apenas observe que este molho tem uma consistência espessa e aveludada. Tempere com sal. Adicione o peito de peru e continue fervendo em fogo baixo por mais 10 minutos.

Toda uma festa de sabores no seu paladar!

Toda uma festa de sabores no seu paladar!

Fatie o peito de peru e coloque em um prato de servir. Cubra com o molho e polvilhe com as sementes de gergelim. Sirva com avocado fatiado e tortillas frescas. Decore com folhas de coentro.

Para arrancar-me a Vida!

Para arrancar-me a Vida!

E para finalizar a noite aconselho assistir ao filme que me inspirou a preparar esta delicia, Arrancame La Vida!

DICAS:

  1. Não me chame de louca nem desista. É FÁCIL de fazer se seguir o passo a passo!
  2. * Todas estas pimentas são mexicanas e já está disponíveis em mercados de produtos latinos. Mas se não encontrar qualquer pimenta seca serve. Cuidado, apenas, com o ardor na hora da substituição.
  3. Peito de frango pode substituir o peito de peru.

Dicas para o seu Fim de Semana – 13 a 15/03 (e mais um pouquinho)

Hoje a dica do blog para o fim de semana é um pouquinho diferente.

Diferente porque se estende para a semana toda até o dia 21/03 e porque é inteirinha sobre… CHOCOLATE!!!!

Chocólatras, preparem-se! A partir deste sábado começa o Festival do Chocolate Belga! Não será preciso esperar a Páscoa para se esbaldar de chocolate. O chocolate belga, considerado um dos melhores do mundo, vai espalhar seu sabor em vários pontos de São Paulo entre os dias 14 e 21 de março. Organizado pelo Consulado Geral da Bélgica em São Paulo o Festival Choco.be promoverá degustações, cursos, brunchs, chás da tarde e jantares – um deles assinado pelo chef Alex Atala e o chocolatier belga Dominique Persoone.

A ideia partiu do Cônsul Geral da Bélgica em São Paulo, Didier Vanderhasselt. Tal como a cerveja, o chocolate belga é um ícone da gastronomia conhecido mundialmente. O segredo do sucesso? A fabricação do chocolate ao leite se estende na dosagem de cacau, considerado um superalimento pelos nutricionistas por ser rico em nutrientes. No belga, a porcentagem é mais acentuada (43% em vez dos 35% frente aos outros chocolates). “Além disso, ele contém menos açúcar, o que o torna mais saudável”, afirma Vanderhasselt.

Por que não já começar a salivar??

A organização do evento está sob os cuidados impecáveis do pessoal da FoodPass. Já indicamos outros eventos deles por aqui e não nos arrependemos!!. 😉

Seleção especial Gastronomia & +:

Aula mão na massa

Foto: festivaldochocolatebelga

Foto: festivaldochocolatebelga

Aulas demonstrativas com mestre chocolatier belga Dominique Persoone, o maior nome da chocolataria mundial, com chocolates belgas da marca Belcolade. Ele ensinará vários tipos de pralinés, os famosos bombons gourmet originários da Bélgica e conhecidos no mundo todo. Inspire-se! Aula com tradução simultânea.

Quando: de 17 a 19/03

Onde: vários locais

Quanto: R$ 50,00 por aula

Choco Belga Tour

Foto: festivaldochocolatebelga
Foto: festivaldochocolatebelga

Tour pelo bairro do Jardins, onde serão visitadas um seleto grupo de seis docerias e suas melhores experiências com chocolate belga. O passeio é realizado pela Savor São Paulo, empresa do mesmo Grupo que organiza o Pub Crawl SP.

Quando: 14.03 e 21.03

Onde: vários locais (Jardins, São Paulo)

Quanto: R$ 50,00 por dia

Harmonização Chocommelier

Foto: Chianti Chocommelier
Foto: Chianti Chocommelier

Chianti Chocommelier, especialista na harmonização de chocolates belgas com os melhores vinhos e azeites do mundo apresenta aos seus clientes uma experiência única em degustação: a harmonia de chocolates excepcionais unidos a sabores inusitados.

A degustação contará com a exclusiva harmonização de vinhos e o novo chocolate de origem Brasil da Callebaut, lançado recentemente, além de harmonias com azeites e whiskies.

Quando: de 17 a 20/03

Onde: Rua Mateus Grou, 40

Quanto: R$ 125,00 por degustação

Jantar Sensorial

Foto: festivaldochocolatebelga
Foto: festivaldochocolatebelga

O Belga Corner em parceria com o Ateliê no Escuro vai promover um jantar sensorial onde os convidados degustarão às cegas um menu surpresa com o tema Chocolate Belga, além do menu outras intervenções sensoriais que acontecerão durante a noite.

Quando: 17/03

Onde: Rua Pedroso Alvarenga, 666.

Quanto: R$ 230,00

Choco.Be Dinner UAU!!

Foto: FoodPass
Foto: FoodPass

Os chefs Alex Atala e Dominique Persoone vão criar um menu utilizando chocolate belga Belcolade.

Quando: 20/03

Onde: Rua Pe. João Manuel, 1115

Quanto: R$ 195,00 (o valor não inclui bebidas, serviço e valet).

A Fantástica Fábrica de Chocolate (minha atividade preferida!) 😉

Foto: Warner

Foto: Warner

Já pensou em ver de perto como o chocolate é feito? Você terá essa possibilidade através de uma visita à fábrica da Cacau Show, localizada em Itapevi, São Paulo. É o momento ideal para conhecer todo o processo de produção do chocolate, a preparação dos produtos, além de um espaço mágico, aberto apenas para convidados.

Quando: 21/03

Onde: Fábrica Cacau Show

Quanto: R$ 35,00

Se você não encontrou nenhum programa que te agrade, não se desespere. Nossos gostos são bizarros, às vezes!!! 😀

Veja a programação completa aqui. Com certeza haverá um programa que te deixará com água na boca.

E quando o evento acabar não fique triste. A rede de supermercados Pão de Açucar assinou um contrato para ser o ponto de venda exclusivo da marca de chocolates Galler, a mesma que fornece os chocolates da casa real belga. Não vai deixar de provar, não é mesmo?

Deixe a Primavera entrar na tua vida!

Eu tenho uma predileção pelo Outono. O clima mais ameno, aquele céu azul com uma brisa fria durante todo o dia me agrada e muito!

primaveraMas a Primavera também é linda. Ontem andei pelas ruas do bairro, tudo já muito florido e um calorzinho agradável me fez passar horas admirando aquela tarde. Como é bom deixar a Primavera entrar na nossa vida! Seja com as flores, com o clima ou mesmo em forma de chocolatea!!!

Acho que por essa você não esperava, não é mesmo? Sim, existe uma loja em São Paulo com deliciosos chocolates 100% belga com os sabores da Primavera. Uma sútil e delicada combinação de flores fazendo uma harmonização perfeita com o cacau.

A Chianti Chocommelier é uma loja muito charmosa em Pinheiros no coração do novo buxixo gastronômico do bairro, ali bem pertinho de onde ficava o Romã. Conheci a Mariana, dona e idealizadora, um pouquinho antes do sonho se tornar realidade. E ontem passei por lá para experimentar essas novas sensações inusitadas!

A coleção Lilác, com bombons de jasmin, rosas, lavanda, violeta e flor de laranjeiras é a coqueluche do momento!chianti2

Estes bombons podem ser degustados puros, mas a casa faz algo ainda mais inusitado e inovador: harmonização com vinho! E isso não é só para os chocolates de Primavera. Este, na verdade, é o conceito da loja – por isso o chocommelier!

Eu topei a experiência com o bombom de rosas e o vinho da uva Gewurztraminer alemão, orgânico e biodinâmico e o bombom de violeta com um Merlot, também na mesma linha. chianti3 chianti4

A princípio titubiei. Confesso que eram os dois bombons que eu não pediria logo de cara. Mas a surpresa foi enorme e a experiência intensa! Os bombons são deliciosos e a harmonização com o vinho torna mais intenso os aromas florais. Estes vinhos foram escolhidos a dedo, pois a uva Gewurtztraminer tem um final de rosas e lichia com toque picante próprio para Primavera. Já o frescor acentuado do Merlot se  deve por não passar por barril de carvalho deixando um retrogosto de frutas vermelhas – cranberry e cereja.

Além da harmonização com vinhos, ainda é possível degustar os bombons com whisky Jack Daniel Honey, expresso do Café do Centro, chocolate quente. Há também drinks como o refrescante Provence feito com espumante, licor de limão siciliano e framboesas frescas e o Sun Drop, chianti6com leite condensado, syrop de frutas vermelhas, café expresso e espuma de leite (foto).

Se todos os dias da Primavera repetirem esta tarde deliciosa deixarei que esta estação entre na minha vida com mais frequência!

Que charme a vitrine com essas casinhas de passarinhos!

Que charme a vitrine com essas casinhas de passarinhos!

 

Rua Mateus Grou, 40 – Pinheiros – 05415-040 – São Paulo.
(11) 2338-4000
 www.chiantiemcasa.com.br