Uma Massa Várias Possibilidades [Pão de Forma Versátil – World Bread Day]

wbdHoje é o dia mundial do pão [World Brad Day]. E este ano resolvi participar do movimento com uma receita.

Este dia surgiu para que padeiros amadores e entusiastas de todo o mundo pudessem trocar receitas, por a mão na massa e mais que tudo se unir em torno do “pão nosso de cada dia”. O negócio ficou tão aprimorado que hoje, depois de 9 anos do primeiro WBD já são milhares de  foodblogs postando e falando sobre o assunto. Eu me animei e fui procurar uma receita surpreendente para fazer.

Acontece que depois de muito pensar e pesquisar os pães mais mirabolantes e bacanas cheguei a duas conclusões: eu não seria sequer capaz de reproduzir tamanha façanha padeira, por falta de estudos e prática. E o segundo motivo e mais importante, a idéia era fazer com que todos meus leitores, isto quer dizer você que me lê, fosse para a cozinha experimentar esta delícia que é fazer um pão! Vê-lo crescer, sentir o aroma da fermentação, a maravilha do som oco depois de assado. Aqui no blog já fiz a experiência de outros pães, mas confesso que não vi muita gente se animando… Eu adoro a fermentação natural, ou levain, mas nem todo mundo tem a paciência e o tempo de “alimentá-lo”, cuidá-lo e vê-lo reproduzir. Foi aí que me lembrei de uma receita muito boa, muito fácil e muito versátil que uma vez vi no programa de TV dos Fabulosos Irmãos Herbert (The Fabulous Baker Brothers). É um programa de dois irmãos que eu ADORO. Um é padeiro e outro açougueiro e saem pela Inglaterra ajudando restaurantes e pubs a melhorar seus cardápios.

Me lembro bem do episódio: uma massa e vários pães! Era isso. O que eu queria para meu primeiro World Bread Day. Apesar do intuito ser postar receitas inovadoras, diferentes, este seria para mim o melhor da inovação: Uma receita que te faça, AGORA, largar a internet e correr para a cozinha preparar esta delícia!

Pão de Forma Versátil (2 pães de 500 kg cada, aproximadamente)

Esta massa é deliciosa e muito versátil!

Esta massa é deliciosa e muito versátil!

Ingredientes:

300 ml de água morma

2 colheres de sopa de azeite

1 colher de sopa de mel

500 gr de farinha de trigo branca (mas você poderá usar integral, de centeios, grãos)

1 envelope de fermento biológico seco

1 colher de chá de sal

O difícil é ser simples... Mas não neste caso! ;)

O difícil é ser simples… Mas não neste caso! 😉

1 xícara de grãos variados (eu usei o Mix 7 Grãos da Quaker que tem aveia, amaranto, quinoa, linhaça, centeio, gérmen de trigo e cevada e acrescentei chia e semente de abóbora)

1 xícara de cranberry seca (ou uvas passas) e nozes pecas temperadas com uma colher de sopa de canela

A variedade fica por nossa conta!

A variedade fica por nossa conta!

Modo de Preparo:

Na tigela da batedeira, com o batedor de gancho, misture bem a água morna, o azeite e o mel. Acrescente a farinha, o fermento e o sal e bata em velocidade baixa até que se forme uma massa. Aumente para velocidade média e sove por 5 minutos até obter uma massa leve e que desgrude das laterais da tigela. Se quiser pode fazer todo este processo na mão. Você sentirá a massa se formar e se encher de ar. É lindo, isso!

O resultado deverá ser uma massa lisa e bem fácil de manusear de, aproximadamente, 900 gr. Eu dividi minha massa em duas porções de 450 gr para misturar, em uma, os grãos, e na outra, as frutas secas e castanhas. Coloque cada massa em formas de bolo inglês untadas com azeite (eu usei descartáveis) e coloque cada forma em um saco plástico bem fechado e deixe crescer por cerca de 1 hora até que dobrem de volume (eu deixei dentro do forno desligado.

Massa lisa e muito fácil de trabalhar

Massa lisa e muito fácil de trabalhar

450 gr de massa em cada forma...

450 gr de massa em cada forma…

...e a magia do pão fermentado!

…e a magia do pão fermentado!

 

Mas você pode inventar o que quiser. Esta é a real beleza desta massa. Ela poderá virar pão de hambúrguer, mais massudo e cascudo, e tão igualmente delicioso; rolinhos de canela de se você abrir a massa em tiras e espalhar manteiga, açucar e canela e depois enrolar; um filão recheado com calabresa e queijos…

Quando faltar 15 minutos para o final do crescimento da massa aqueça o forno a 180 graus. Assim que a massa dobrar de volume pincele-a com um pouquinho de azeite e faça cortes transversais em cima dos pães. Leve para assar por aproximadamente 40 minutos (veja DICA 1) ou até que fique corado.

Deliciosamente fácil e perfumado. Este de castanhas e frutas viram torradas com geléias para o café da manhã!

Deliciosamente fácil e perfumado. Este de castanhas e frutas viram torradas com geléias para o café da manhã!

Ao sair do forno retire o pão da forma para não criar vapor e não umedecer. Cuidado pois estrá fervendo. Recomendo usar uma luva térmica pu mesmo um pano de prato limpo para segurar o teu pão. E dê uma “batidinha”, [knoc, knoc] no fundo. O som deverá ser oco e “delicioso”. Deixe esfriar sobre uma gradinha. Delicie-se com sua nova criação. E arrisque-se em ser feliz!

Uma massa, infinitas possibilidades!

Uma massa, infinitas possibilidades!

DICAS:

  1. Se fizer pãezinhos menores dimunua o tempo de forno para 30 a 35 minutos;
  2. Este pão poderá ser congelado depois de assado por até 2 meses. Descongele em temperatura ambiente por 12 horas e depois coloque no forno para aquecer;
  3. Se quiser um pão mais adocicado aumente, na receita, para 2 colheres de mel.

E para não ficar sem assar nenhum pãozinho nesta temporada te recomendo outras tão deliciosas receitas participantes do #WBD:

Cozinha Autoral – Massa Base para Pão Caseiro

Ana Claudia na Cozinha – Pão de Mandioquinha

Na Cozinha da Gertrudes – Pão Delícia de Maçã

Gordices – Pão Light

Mosaico de Receitas – Schiacciata de Cebola e Pimentão

Se Eu fiz Você faz – Pão de Leite

O que temos hoje, Elisa? – Pão de Peito de Peru e Bacon

Brie com Goiabada – Pão Trançado de Chocolate

Burburinho na Cozinha – Pão de Abóbora

Artes da Mel – Pão de Fubá

Better Call San – Pão de Nutella

15 respostas em “Uma Massa Várias Possibilidades [Pão de Forma Versátil – World Bread Day]

  1. Tô sentindo o cheirinha daqui!!!! Parece tão fofinho, daqueles que a gente não resiste comer quente! Realmente super versátil e simples, do jeito que a gente gosta e com grãos ainda, pra lá de nutritivo. Adorei, já está na minha lista.
    Fabiola

    Curtir

    • Rachel, muito obrigada pelo comentário e pela visita por aqui. Este pão é realmente delicioso: pelo sabor e pela facilidade! Se for testar, cuide com o colesterol! 😉
      Beijinhos

      Curtir

  2. Patrícia,
    Difícil não ser fisgado pelo prazer de fazer pão, por toda essa química, pelo aroma invadindo a casa. Já publiquei 35 pães doces e quase 50 salgados, mas sempre cabe mais um.
    Gostei dos pães, da foto, dos cereais e frutas que empregou. Amo tudo isso!
    Bom final de semana!

    Curtir

Conte-me o que achou do post:

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s