O dia em que almocei com Jamie Oliver!

E com a querida Mari do blog deliciousbymari, ganhadora do sorteio!

And the Oscar goes to...

And the Oscar goes to…

Foi esta foto aí que me garantiu um convite bem exclusivo para almoçar no ainda não aberto ao público Jamie’s Italian, o primeiro restaurante do chef inglês Jamie Oliver no Brasil. O primeiro por aqui das Américas, mas deve ser o número 51 de mais de 14 países onde o império do naked chef pôs os pés.

No mesmo estilo dos restaurantes dos outros países com um menu bem certeiro e adaptado ao nosso paladar, mas sem perder a essência, o restaurante, seguramente agradará o público. Ainda em treinamento – por isso não abriram ao público – o pessoal do staff se encarrega de ser muito cordial e sorridente o tempo todo; bem ao estilo do Jamie. Em cada sorriso do nosso garçom, percebia-se a cara do “patrão” estampada. E isso é bom. O pessoal sabe o que está fazendo ali! Logo de cara pedi para trocar de mesa pois estava congelando com o ar condicionado e fui atendida. Em questão de minutos mudamos de mesa mesmo o restaurante estando lotado…

O lugar é muito bacana. Em uma esquina nem tão badalada assim de São Paulo o restaurante, com 500m2 e capacidade para 228 pessoas, faz parte de um complexo de escritórios. Chama muita atenção o imponente imóvel todo de vidro, estrutura metálica, madeira de demolição, rodeado por um lindo jardim. Com dois andares num projeto arquitetônico assinado pelo escritório de arquitetura Stiff + Trevillion em parceria com o departamento Design & Build do Jamie´s Italian, ambos com sede em Londres, o restaurante tem um bar muito posh com um pé direito gigante de onde saem mojitos, caipirinhas como a apimentadíssima de limão cravo e pimenta dedo de moça e alguns não tão clássicos, mas exclusivos drinks, como o Gennaro’s Sidecar – Campari, Limoncello e Suco de Laranja. Para quem não sabe Gennaro Contaldo foi seu mentor no início de carreira e tornou-se seu melhor amigo, seu “pai” na cozinha. A carta ainda destaca 25 rótulos de vinho, todos internacionais, entre eles: Barold e Dolcetto  D´Alba (tinto) e Salviano Orvieto (branco).  Os preços variam entre R$ 74 e R$413

Jamie2

Que tal um drink? Muito luxo!

Genaro's SideCar. Cheers!

Genaro’s SideCar. Cheers!

Ainda no térreo há uma salumeria, de onde saem os antipasti, tábuas de frios de encher os olhos – e o estômago, a fábrica de massas caseiras – todas as massas do restaurante são feitas ali, a vista do cliente, diariamente – e uma lojinha tímida com os livros, molhos e alguns bricabeques de cozinha.

Um balcão para frios, drinks e um bom bate-papo.

Um balcão para frios, drinks e um bom bate-papo.

Fresca e al dente. Como toda pasta deve ser.

Fresca e al dente. Como toda pasta deve ser.

No segundo andar fica a cozinha, algo diferente nas cozinhas tradicionais, já que a grande parte do salão fica no térreo. Mas na minha experiência esta disposição não atrapalhou o serviço. Há algumas mesas no andar superior também de onde se tem uma vista do que se está cozinhando!

Cozinha aberta para o público ver a movimentação.

Cozinha aberta para o público ver a movimentação.

O cardápio é um misto de tratoria e restaurante. As entradas e petiscos são inúmeras e podem ser pedidas no bar ou nas mesas do restaurante. Foi difícil escolher e aceitamos algumas sugestões. Iniciamos com os arancini recheados de mussarela de búfala servido com um delicioso molho de tomates picante, abobrinhas fritas, maionese cítrica e chilis e uma bruschetta leve mas muito marcante: abóbora assada com sálvia, ricota, chips de beterraba e agrião. Um leve toque de pimenta para não deixar de lado esta característica tão marcante nos pratos do chef.

Deliciosamente picante na medida certa!

Deliciosamente picante na medida certa!

Sequinhas e crocantes. este pessoal sabe muito bem fazer uma fritura!

Sequinhas e crocantes. Este pessoal sabe muito bem fazer uma fritura!

Esqueça a tradicional tomate, queijo e manjericão. ESTA é A bruschetta!

Esqueça a tradicional tomate, queijo e manjericão. ESTA é A bruschetta!

A carta de principais foi outra batalha. Uma lista de nove pastas tradicionais mas sempre mostrando um twist a la Jamie. Penne Arrabiata, Spaguetti Carbonara, muitos frutos do mar e o delicioso e confortante Pappardele ao molho de salsicha com erva doce e vinho tinto, com migas de pão que deixam uma crosta sobre o molho! Pedido certeiro. Ainda mais depois que soube que a carne do porco utilizado vem da Fazenda Santo Antônio da Agua Limpa. Jamie ganhou 10 pontos comigo! 😉

Todos os ingredientes no cardápio do Jamie´s Italian são selecionados e seguem à risca o padrão da rede no mundo, com aprovação e homologação dos fornecedores pelo grupo Jamie Oliver.

Isso é confort food!

Isso é confort food!

Minha convidada, sortuda e ótima companhia para comer (!) pediu a costeleta de cordeiro. Das carnes, acho que o prato mais acertado. Servidas em uma tábua apoiada por latas de tomate, as costeletas vêm no ponto certo: tostadas por fora, rosadas por dentro, acompanhadas de molho de iogurte, farinha crocante, ervas e cebola roxa marinada. E de quebra uns quadradinho de polenta… crocantes por fora, sequinhas e muito cremosas por dentro. Esse povo sabe MUITO BEM como fazer uma fritura!!!

O ponto alto do almoço. Apresentação e sabor certeiros!

O ponto alto do almoço. Apresentação criativa e sabor incrível!

As sobremesas foi o ponto baixo da visita. Nosso tiramisu estava perfeito e com uma pitada diferente: raspinhas de limão o que levantou o sabor do café. Para mim, que sou cafeinada, foi um up. Mas voltando ao ponto baixo das sobremesas, achei que as opções não eram as mais inusitadas, como o restante do cardápio: brownie, cheesecake, sorvetes e sorbets. Talvez a torta frangipane, tão italiana quanto inglesa (!) pudesse ser uma boa. Terei que voltar…

Com raspinhas de limão que ressaltam o sabor do café, este tiramisú estava delicioso!

Com raspinhas de limão que ressaltam o sabor do café, este tiramisú estava delicioso!

Saímos de lá muito felizes e satisfeitas. Com tudo. Apesar de eu ter ganho o convite pelo sorteio do Instagram, tive o mesmo tratamento que todos os outros que ali estavam. Não fui pelo blog, não teve jabá, paguei 50% da conta, como todos outros. Esta é uma regra de qualquer restaurante do chef Jamie Oliver. E faz muito bem. A semana de treinamento deixou o pessoal afiado e a cozinha pronta para receber a enxurrada de paulistanos ávidos por uma comida italiana muito boa e com preços bem competitivos. Entradas que vão de R$ 18 a R$34. Principais entre R$ 29 a R$78. Vale!

Jamie’s Italian by Jamie Oliver

Avenida Horácio Lafer, 61 – Itaim Bibi

Telefone: (11) 2365-1309

Não está aberto ao público oficialmente, o que deverá ocorrer nos próximos dias. Inaugura oficialmente no dia 25/03, próxima quarta-feira

Conte-me o que achou do post:

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s