Gnocchi della Fortuna

Ontem foi dia 29 e diz a crença que se deve comer gnocchi nesta data para aumentar a sua “fortuna”.

E eu adoraria estar em São Paulo para comer o gnocchi do Zena Caffe, na minha modesta opinião, o melhor que já comi em minha vida feito por alguém que não fosse eu! E olha que as mãos do Chef Carlos Bertolazzi são sagradas para esta tarefa. Apesar que agora devem estar ocupadas entre fraldas, chupetas e mamadeiras com a chegada do pequeno Bertolazzi! Parabéns, papai!

E se você ainda não foi ao Zena, vá. Com toda a certeza sairá de lá satisfeito. Eu estou lejose a vontade não poderia esperar a minha próxima excursão a terra da garoa.

Então, fui convocada pelo amigo Luis (fui recriminada por chamar meus amigos de “fulano”nos meus posts. Eu só queria preservar a identidade!) e reunimos uma turma para dar uma forcinha a mais a nossa fortuna.

Preparei tudo ao estilo do Zena. Gnocchi e 3 molhos para a escolha do freguês: ragu de vitela, pesto e um espetacular e quase impossível de acreditar tomate aglio i olio.

Antes mesmo de comer as minhas 7 almofadinhas de massa de batatas que se derreteriam na minha boca, olhei ao meu redor e vi a casa cheia de amigos felizes desfrutando de um momento muito espacial. Nem precisei colocar nenhuma nota de dólar, de real ou de pesos mexicanos debaixo do meu prato. A minha fortuna já estava ganha!

Mas confesso que não foi fácil preparar 6 kilos de gnocchi. Principalmente porque este gnocchi é pura batata! A farinha que ponho é só para dar liga, quase nada! E depois as bolinhas de gnocchi, que parecem umas esponjinhas, derretem na boca! Ai! Menos de 24 horas e  já estou com vontade de comer de novo! Falta muito pro próximo dia 29??

Gnocchi de Batata

gnocchi1-imp

A receita eu retirei idêntica do site do Bertolazzi. Eu calculei 2 batatas grandes por pessoa.

“Preparar bons gnocchi não é brincadeira, mas é preciso queimar a mão pra valer. Um dos maiores segredos para fazer gnocchi leves e principalmente com gosto de batata é utilizar a batata logo após seu cozimento. Para isso cozinhamos ela com casca e descascamos tão logo estejam prontas. Passamos imediatamente por um espremedor ou passa-verduras e misturamos com a farinha.

A quantidade de farinha a ser utilizada pode variar um pouco mas uma boa regra é separar a massa de batata em quatro partes, retirar uma e preencher com a mesma quantidade de farinha, conforme ilustrado abaixo.

Retorne a batata que foi retirada e misture a massa acrescentando um pouco de sal, pimenta e noz moscada.

Após enrolar e cortar os gnocchi cozinhe-os em bastante água fervendo até que subam à superfície e sirva com o molho de sua preferência.”

Segredinho: caso você tenha que cozinhar muuuuuita batata como eu fiz, não se desespere! Cozinhe toda a sua batata e passe pelo espremedor. Eu ainda passei por uma peneira pois DETESTO grumos no gnocchi. E fui fazendo os gnocchi aos poucos. Vá esquentando o purê no microondas conforme você for utilizando. Assim sua batata estará sempre quente e absorverá menos farinha!

Uma resposta em “Gnocchi della Fortuna

  1. Pingback: Gnocchi alla Romana | Gastronomia & +

Conte-me o que achou do post:

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s