Ceviche mais fresco, IMPOSSÍVEL!

 

Férias! Verão (aqui no Hemisfério Norte)! Praia! O que poderia ser melhor que uns dias numa ilhota semi deserta? Sair para pescar e fisgar o próprio almoço! SIM! 

O cenário foi a minúscula e paradisíaca Ilha Holbox, ao norte de Cancún. Um lugar com um acesso difícil, onde não entram carros e onde o ritmo de vida é o mais lento possível. Onde os dias parecem longos e as noites intermináveis…

Bem, esse sonho chegou ao fim, mas deixou maravilhosas lembranças. Memórias de que a vida pode ser descomplicada e o menos é MAIS!

Num dos passeios saímos para pescar num ritmo quase inerte, onde o profundo azul do oceano era o mais longínquo dos nossos planos para o futuro! Na verdade, tínhamos planos, sim! Pescar bons peixes pois este seria o nosso almoço. Eu quase não acreditei, mas aconteceu. Passamos a manhã pescando e logo depois das 3 da tarde estávamos comendo o ceviche mais fresco que podia imaginar na minha vida. Apenas 1 hora depois dos peixes terem deixado o mar, estavam nos nossos pratinhos com uma receita simples e deliciosa! ASSIM DEVE SER A VIDA!

 

Ceviche Simples

800 gr de peixe branco fresco* (no nosso caso, foi corvina pescada ao momento)

1 cebola roxa picada

2 tomate sem sementes picado

1 chili verde picado bem fininho

suco de 16 limões

1 colher de sopa de coentro picado

sal a gosto

 

Cortar o peixe em cubos pequenos de, aproximadamente, 1,5cm e misturar com a cebola, o chili e o sal. Misturar e acrescentar o suco de limão e uns cubos de gelo para esfriar o ceviche. Misture rapidamente e retire o gelo antes que derreta. Acrescente o coentro e sirva. Acabou a receita. Simples assim! Pode até ser preparada num barquinho de pescador!

Este ceviche foi servido com totopos (tortillas de milho frita), mas os peruanos, que reconhecem como sua a receita de ceviche recomendam servir com milho cozido, batata doce e folhas de alface!

*Como reconhecer se um peixe está fresco:

– O peixe não deve ter aquele “cheiro de peixe” forte e desagradável. O peixe fresco cheira a mar limpo! Aquele que entramos e mergulhamos!

– O olho deve estar brilhante e as escamas também devem ser brilhantes e presas ao corpo. Escamas soltas significa peixe em decomposicão. Argh!

– Se possível aperte o peixe com os dedos indicador e médio. A carne deve estar firme e as gueljas avermelhadas.

 

Conte-me o que achou do post:

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s